tutorial sobre como enviar casos com um scanner itero

Um usuário iTero que deseje transferir arquivos ortodônticos .STL de seus modelos, utilizando um iTero, deve ter uma assinatura anual, que inclua o plano de serviços e atualizações, ou pagamento por caso apresentado. Para fazer isso, o seu iTero deve incluir o módulo “ortodôntico” em vez do (ou além do) módulo “restaurador”. 

Se você não tiver o módulo “ortodôntico”, será necessário atualizá-lo entrando em contato com o suporte do iTero. Informe a eles o número do modelo do iTero e as informações do módulo “restaurador” instalado. Você também pode optar por um plano de assinatura ou de pagamento a cada caso (se ainda não tiver nenhum plano), o que permitirá que você armazene e envie arquivos .STL para a ClearCorrect ou qualquer outro laboratório.

Se você se enquadra nas categorias abaixo e está tendo problemas com as instruções fornecidas, temos algumas outras sugestões que você pode seguir.

1. Se você tiver um software muito antigo do iTero

Se você tiver um software antigo ou desatualizado, acesse o seguinte link, que pode ajudá-lo: http://www.itero.com/support/software_downloads

2. Se você tiver o scanner iTero Restorative.

Se o seu scanner não oferecer suporte ao escaneamento no modo iRecord, ou se você tiver atualizado seu software e ainda estiver com dificuldades, pode ser que seja necessário executar etapas adicionais para a exportação de arquivos STL. Visite o centro de treinamento iTero para obter informações adicionais com base no seu sistema específico: http://www.itero.com/support/training

oOo

Com o iTero, os casos da ClearCorrect são salvos como um arquivo STL em sua área de trabalho. Sugerimos criar uma pasta na área de trabalho nomeada “escaneamentos exportados” ou algo semelhante. Você fará o upload dos escaneamentos diretamente via Portal do Dentista, ao enviar o caso.

Aqui está o procedimento:

  1. Antes de iniciar o escaneamento do paciente, escolha a opção “iCast” ou “iRecord”. Isto é importante porque se você escolher a opção “Invisalign”, não conseguirá exportar esses arquivos para a ClearCorrect.

  2. Clique em iTero Orthodontic.

  3. Selecione o tipo de caso como iRecord.

  4. Depois de ter escaneado as duas arcadas e a oclusão, as informações são armazenadas em “myaligntech.com”

  5. Faça o login em “myaligntech.com”. Você será direcionado para a página de pedidos, onde estão os seus escaneamentos. 

  6. Na parte superior esquerda, há uma caixa em Pesquisa rápida. Selecione no menu suspenso a opção do nome do paciente. Digite o nome do paciente e ele aparecerá em Pedidos. Clique no seu ID # em azul e isso levará você para a página de informações de pedidos.

  7. Clique em “Exportar” (OrthoCAD 3.5 ou superior). Aparecerá uma caixa do Internet Explorer, clique em “permitir”.

  8. Agora um modelo de estudo aparecerá com um campo informando “OrthoCAD Export”.

  9. Tipo de exportação: Escolha a opção “modelo aberto“.

  10. Formatos de dados: Escolha “Dois arquivos” (arcadas orientadas em oclusão).

  11. Nome da pasta: Altere o número para o sobrenome do seu paciente.

  12. Depois de clicar em exportar e clicar em “ok”, uma janela será aberta com 8 ou 9 arquivos. Os dois primeiros arquivos estão no formato .stl que usamos. O primeiro tem um “i” de “inferior” e o segundo tem um “s” de “superior” e ambos estão identificados com um certificado dourado. Esses são os dois arquivos que enviamos/arrastamos para o Portal do Dentista.

    Para aqueles com um sistema operacional atualizado, tente isto:

    Depois que você clicar em “exportar”, uma janela deve aparecer dizendo que “os dados do modelo foram exportados para c:cadent/export/(sobrenome do paciente)”.

  13. Faça o login no Portal do Dentista e siga as etapas normais de envio de um caso. Assim que acessar a página que solicita moldagens ou escaneamentos, escolha a opção “iTero” e, em seguida, navegue e acesse o disco local C ou o arquivo que criou para exportar os escaneamentos. 

  14. Vá para a pasta Cadent, depois exporte a pasta e você vai ver a pasta com o escaneamento (e o sobrenome do seu paciente, se você a renomeou). Existem dois arquivos para upload, para a arcada superior e inferior. Nota: Precisamos apenas dos escaneamentos das arcadas superior e inferior, porque os dados de posição do escaneamento oclusal estão incorporados nos próprios arquivos das arcadas superior e inferior. Sabemos que alguns scanners geram três arquivos, mas uma vez que todos os dados de posição pertinentes estão incluídos em apenas dois, não precisamos do terceiro.

  15. Deve levar cerca de 15 minutos para os escaneamentos serem enviados.

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
Fale conosco:

2019 - CLICK LAB – LABORATÓRIO DE APARELHOS ORTODÔNTICOS LTDA ME - CNPJ: 29.315.653/0001-41

Rua Bento Gonçalves, 2310/130 Centro - Novo Hamburgo - RS CEP: 93510-018